Publicado por Redação em Gestão do RH | 11/02/2021 às 11:00:17

Cinco maneiras de demonstrar valor em sua empresa



Se você deseja ter uma carreira longa e bem-sucedida, deve demonstrar seu valor para sua empresa. Sempre há oportunidades para fazer isso. Fazer mais do que a obrigação é uma maneira óbvia de provar que você é inestimável para uma equipe.

Veja abaixo cinco outros métodos testados e comprovados para criar valor e aumentar suas ações na empresa:

Ofereça acertos de pequeno valor

O valor não significa que você atinge o objetivo em todas as reuniões. Em vez de tentar oferecer o máximo de competência, veja quais “dicas de valor” você pode fornecer. Às vezes, pequenos “acertos” são tão significativos quanto “pontos certeiros”. Por exemplo, você pode ingressar em um comitê que não havia considerado anteriormente pelo desejo de oferecer uma nova perspectiva. Os pequenos pedaços de valor que você oferece podem criar mudanças significativas em sua empresa.

Todos nós já ouvimos o conceito “demonstrar valor” inúmeras vezes. Concentrar-se nos relacionamentos, fazer um trabalho excelente e oferecer valor mesmo fora de seu departamento são maneiras de mostrar suas qualidades de forma ampla em toda a empresa. Seja criativo ao considerar como você fará suas contribuições.

Expanda seu círculo

Muitos líderes compartilham sucessos e realizações “para cima” com a liderança sênior de suas equipes. Mas às vezes compartilhar para os superiores não é suficiente – especialmente agora que as empresas estão organizadas mais lateralmente. Por esse motivo, há uma necessidade ainda maior de mostrar o valor de forma ampla. Olhe além do horizonte de sua empresa e considere quem precisa ouvir sobre as vitórias da sua área.

Por exemplo, uma líder com quem trabalhei era muito hábil em compartilhar o bom trabalho que suas equipes estavam fazendo com a liderança sênior. No entanto, seu departamento interagia com a maior parte da empresa. Criamos uma estratégia em que ela compartilharia com outros líderes de departamento o bom trabalho que está sendo feito em seu grupo.

Expanda suas conexões

Use a rede de conexões para aprender – não apenas para procurar um emprego. Fale com pessoas de fora da sua área para aprender coisas novas. Você e a outra parte ganharão valor compartilhando percepções específicas do setor. Pense neste exercício como a condução de sua própria aula particular.

Muitos líderes ocupados veem isso como algo para o qual simplesmente não têm tempo, mas eu insisto porque os benefícios são imensuráveis. Estabeleça a meta de alcançar uma pessoa por mês. No final do ano, você terá se conectado com pelo menos doze pessoas que podem lhe oferecer uma visão única.

Procure um mentor externo

Os líderes e mentores com quem você trabalha podem servir como grandes fontes de inspiração e sabedoria. No entanto, encontre um mentor fora do seu núcleo para expandir seu pensamento crítico. Lembre-se: o valor que você agrega ao seu trabalho não está apenas relacionado à sua experiência técnica. Digamos que você veja a necessidade de aprender a resolver problemas de forma criativa. Encontre alguém fora de seus relacionamentos atuais para ajudar a ensiná-lo.

Uma cliente com quem trabalhei decidiu fazer um seminário de redação criativa com uma professora conhecida para ajudá-la a contar histórias em reuniões de liderança sênior. O seminário deu à minha cliente a chance de trabalhar com a narrativa e mostrar seus processos criativos de resolução de problemas.

Busque qualidade acima da quantidade

Para muitos líderes, o sucesso é medido por esmagar metas e contar aos outros sobre isso. Mas para realmente mostrar valor, dê um passo para trás. Nem todas as vitórias da sua área valem a pena compartilhar. Considere: você está compartilhando muito? Não há um número específico “correto” de comunicações. Na verdade, o excesso pode ser uma coisa boa – todos nós precisamos de boas notícias. Mas há um ponto de supersaturação.

Quando você tem a sensação de que os líderes estão evitando ou dando “parabéns” superficiais, é hora de se acalmar com as comunicações. Isso não significa que você vai parar de elogiar suas equipes – apenas fique atento à forma como os outros reagem e calibre a quantidade que você compartilha com base no feedback que recebe.



Fonte: Forbes


Tags: sem tags no momento!


Deixe seu Comentário:

=