Publicado por Redação em Notícias Gerais | 08/09/2015 às 11:24:47


IBGE: salário médio dos homens em 2013 era 40,5% maior que o das mulheres


Diferença de salário entre gêneros é considerável

O salário médio dos homens nas empresas brasileiras era 40,5% maior do que o das mulheres em 2013: R$ 2.118,66 para eles, contra R$ 1.507,69 na média para elas, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas).

Os dados fazem parte de um levantamento divulgado nesta sexta-feira (4) pelo instituto. A pesquisa Demografia das Empresas tem dados de 2013, mas só foi liberada agora e, portanto, não reflete necessariamente o cenário atual. O levantamento é feito a partir das informações do Cempre (Cadastro Central de Empresas).

Ainda segundo a pesquisa, entre 2009 e 2013, a participação das mulheres nas empresas brasileiras passou de 35,5% para 37,7%. Para fazer uma comparação, as mulheres representam 51% da população, e os homens, 49%, segundo dados do Censo 2010 do IBGE.

Um país de origem seguro não persegue politicamente seus cidadãos nem impõe punições desumanas ou humilhantes. Cidadãos de países seguros não podem simplesmente ser mandados embora. Na Alemanha, todo requerente de asilo deve ter o direito jurídico de provar que foi ameaçado politicamente pelo governo do seu país de origem. Em geral, o pedido de asilo de alguém que tenha nascido num país seguro será negado, a não ser que circunstâncias específicas estejam em jogo.

Salário de quem tinha diploma era 267,1% maior

Do total de pessoas empregadas pelas empresas em 2013, 88,9% não tinham diploma de nível superior. No estudo divulgado em 2009, esse número era de 90,7%.

A diferença de salário médio entre as pessoas com diploma e as sem nível superior em 2013 era de R$ 3.893,06 em 2013, ou 267,1%. Os que não tinham a graduação ganhavam, em média, R$ 1.457,37, enquanto os graduados recebiam R$ 5.350,43.

Fonte: Uol Economia


Tags: sem tags no momento!


Deixe seu Comentário:

=