Publicado por Redação em Previdência Corporate | 22/09/2015 às 11:31:38


Previdência Privada: vantagens do benefício fiscal à portabilidade


Estudos e pesquisas apontam que a previdência privada já é um desejo de consumo da população e que cada vez mais as pessoas têm despertado para a importância de se planejar para a aposentadoria. Unindo os benefícios de aplicarem um fundo de investimento com as vantagens fiscais asseguradas por lei para aplicações de longo prazo, a previdência é, sem dúvida, o veículo ideal para quem quer cuidar do futuro financeiro.

O mercado de previdência (PGBL e VGBL) tem evoluído em um ritmo bastante acelerado. Nos últimos 10 anos, o crescimento foi acima de 22% ao ano e a carteira multiplicou por sete, saltando de R$ 50,1bilhões em 2005 para os atuais R$ 374 bilhões* (até outubro de 2014), sendo que 91% desses recursos estão concentrados nos grandes bancos. Vale ressaltar que, entre as seguradoras independentes, ou seja, não ligadas aos bancos de varejo, a Icatu Seguros é a maior, apresentando um sólido crescimento acima do mercado.

O segmento de previdência concentra a maior parte dos investimentos em VGBL (76%), no qual o Imposto de Renda incide apenas sobre a rentabilidade. Já o PGBL, modalidade na qual o Imposto de Renda incide sobre o todo e sugerida para quem tem renda tributável e faz a declaração pelo formulário completo, pois permite a dedução das contribuições da base de cálculo de IR até o limite de 12% da renda bruta anual, fica com 24% da fatia. Em termos de perfil, vemos claramente a preferência dos brasileiros por investimentos conservadores, pois mais de 90% da reserva está concentrada em fundos de previdência renda fixa.

Na Icatu Seguros, o cenário é um pouco diferente. Apresentamos uma maior concentração em PGBL (53%) e em fundos com maior risco (43%) que o mercado. Isso ocorre porque somos uma seguradora especialista, reconhecida pela capacidade de inovar e apresentar estratégias diferenciadas em previdência, o que atrai muito investidores de alta renda interessados nos benefícios fiscais e sucessórios que a previdência oferece.

Além das vantagens já conhecidas do produto, a previdência oferece ao cliente outro importante benefício, o da portabilidade. Tão simples quanto levar um número de celular de uma operadora para outra, graças a esse direito, o cliente pode mudar de plano (de um fundo conservador para um agressivo, por exemplo) ou de seguradora quando quiser e sem perder nada com isso.

Essa é uma grande vantagem da previdência em relação aos fundos de investimentos. Na indústria de fundos, em caso de insatisfação e vontade de mudança, o cliente precisa resgatar seu dinheiro, pagar Imposto de Renda e reaplicar o montante novamente. Na previdência isso não ocorre, pois a portabilidade garante a transferência dos recursos sem incidência de Imposto de Renda e nem reinício da contagem do tempo de aplicação.”

Ou seja, um processo simples, vantajoso, que estimula as companhias a entregarem melhores soluções e garante ao cliente a possibilidade de manter seus recursos de longo prazo na empresa que melhor atender seu perfil, seus desejos e suas necessidades.

Fonte: Portal Segs


Tags: sem tags no momento!


Deixe seu Comentário:

=